quarta-feira

dias concentracionários

hoje há mais uma pessoa feliz na cidade à minha custa: vandalizou-me o carro (excepcionalmente resolvi prescindir do transporte público).
hoje também, um calor insuportável irrompeu pelo termómetro acima, e quando estava para lá dos trinta, quase que tive saudades da chuva.
hoje ainda, entraram-me amigos e conhecidos aos molhos no facebook, onde eu nunca tinha estado - mal entrei, a casa soou-me estranha e familiar, mas será mesmo?

2 comentários:

comsentido disse...

ha dias assim... em que tudo pode parecer nada e nada parece tudo. faz parte. da vida. o bom humor é sempre um óptimo catalisador. até

Woman Once a Bird disse...

Aqui choveu mesmo. Manhã de sol abrasador, tarde de chuva algo intensa. Trocou as voltas de tod@s.